Sou Marcia Belmiro, criadora do Método KidCoaching® e co-criadora do Método GrowCoaching® aplicado aos adolescentes. Li um texto na internet sobre o tema Coaching Infantil e Coaching para Adolescentes e vou me posicionar sobre isso.

O texto inicia com uma grande clareza sobre o tema Coaching, que é o conhecido pelas idôneas escolas de formação. Replico abaixo:

“O coaching é um serviço que surgiu para atender demandas de empresas e seus líderes e funcionários, porém se estendeu para diversas áreas profissionais e também para a vida pessoa, a fim de atender diferentes tipos de meta. O orientando, que é chamado de coachee, passa por um processo de autoconhecimento e definições e alcance de metas.”

Vale lembrar que o coaching ingressou nas organizações brasileiras – na década de 80 – com o fito de melhorar a performance de líderes e executivos e logo depois a partir do final da década de 90 coaches passaram a atender pessoas em situações de ordem pessoal tais como emagrecimento, relacionamentos, melhoria de qualidade de vida, dentre outras. Esse grande avanço e abrangência do coaching vem trazendo grande alívio a população que deseja equacionar situações de rotina e que não sabe como fazer, mas que consegue ao contratar um profissional devidamente formado em coaching que ajudará o coachee:

– a ampliar seu autoconhecimento,

– a analisar a situação indesejada,

– a construir um objetivo claro a ser alcançado e

– a desenvolver as habilidades socioemocionais necessárias para mudança de comportamento e atitudes que levará a pessoa aos seus objetivos.

 

O grande equívoco se apresenta ao dizer que o coaching só pode ser utilizado para uma personalidade já madura e definida. O Coaching HOJE é uma prática a ser inserida em qualquer dinâmica relacional, no trabalho, em casa, com alunos, amigos, desde que respeitando os Princípios do Coaching, quais sejam:

– Autoconhecimento

– Autorresponsabilidade

– Foco no futuro e na solução

– Rompimento de Crenças auto limitadoras e

– Não julgar, não propor, acreditar que cada pessoa tem sua melhor resposta e que apenas ainda não conseguiu acessar essa melhor e única resposta que se adequa ao seu sistema, cultura e realidade.

Na perspectiva de Coaching do Reino Unido e dos Estados Unidos o Coaching Infantil lamentavelmente seguiu a mesma vertente do Coaching performático em que crianças são trabalhas para serem os tops do ranking de notas e das escolinhas de futebol. Lamentavelmente alguns coaches no Brasil por desconhecerem a psicopedagogia, por desconhecerem o desenvolvimento mental infanto-juvenil, por desconhecerem como se dá o desenvolvimento neurofisiológico do cérebro da criança insistem equivocadamente em usar o coaching tal qual se usa em adultos.

Ao tomar contato com tudo isso me assustei, não me identifiquei e criei o Método KidCoaching® – constituído há 3 anos e aplicado com grandes resultados – o Método KidCoaching® auxilia a criança em sua singularidade infantil a antes de tudo ser criança, lidando com seus problemas típicos de sua idade, tais como timidez, medo de dormir no quarto sozinha, birra, relacionamento com os novos parceiros do pai ou da mãe, relacionamento com o novo irmãozinho, desfralde, alimentação, relação com os amiguinhos de escola, do cursinho de inglês, com situações bullying etc…

 

Pensar o Coaching no formato utilizado com adultos e aplicado em crianças é um grande equívoco de aplicação e de percepção.

 

Aplicar uma ferramenta de adulto com coloridinho e estampas de bichinhos não faz dessa ferramenta uma ferramenta que converse com o universo mental infantil por isso no Método KidCaching® foram criadas técnicas projetivas com base lúdica que acessam naturalmente os conteúdos que povoam o pensamento e sentimento da criança para a partir daí a criança receber ajuda no encontro de novas atitudes e para atingir seus objetivos que são traçados na primeira sessão junto com seus pais e/ou cuidadores.

O Programa de Formação Kids Coaching prepara o KidCoach para:

– Atender crianças – entre 7/8 anos até 12/13 anos – juntamente com seus pais/cuidadores, em um coachtório em 10 a 14 sessões

– Atender somente os pais fazendo o coaching parental preparando os pais para serem os próprios coaches de seus filhos e assim aprenderem a ter uma abordagem e boas conversas com seus filhos a partir dos 2 anos de idade

–  Atender escolas, prioritariamente preparando os professores a serem os melhores coaches de seus alunos e turmas.

O Método KidCoaching® parental auxilia pais e cuidadores  a compreenderem os verdadeiros propósitos e valores na criação de seus filhos, saindo do lugar comum que para que a criança seja bem preparada ela precisa exaurir suas forças com a superaquisição de conhecimentos e formações e cursos, perdendo tempo natural de simplesmente BRINCAR!

A principal atividade da criança para que se constitua numa personalidade saudável e harmoniosa é o BRINCAR, é o LÚDICO.

Por isso que o Método KidCoaching® atua no sentido de que a criança possa SER CRIANÇA e ainda assim seja capaz de realizar de forma tranquila aquilo que precisa, como por exemplo, transformando as atividades rotineiras em momentos de alegria – fato este que está nas mãos da família desde que devidamente orientada por um KidCoach bem formado.

A melhor forma para construir um futuro adulto saudável é simplesmente deixar a criança ser criança, livre de medos, livre inseguranças, livre para se posicionar numa relação positiva com o ambiente que acerca, de tal forma que aprenda a associar o que pensa com o que sente e assim desenvolver uma personalidade ajustada e harmoniosa.

O QUE AS CRIANÇAS GANHAM COM O Método KidCoaching®?

– Maior autoconfiança

– Automotivação e com compromisso com sua rotina de estudos, higiene e alimentação

– Melhor relacionamento com pais, irmão e amigos

– Maior aceitação, tolerância e empatia no convívio com seus semelhantes

– Senso de pertencimento, sentindo-se gratos e amados.

 

O QUE O PROFESSORES GANHAM COM O Método KidCoaching®?

– Melhor relacionamento com suas crianças

– Mudança na percepção sobre a criança e seus potenciais

– Maior autoconfiança em suas habilidades de educadores

– Segurança para lidar em situações de birra, descontrole, alimentação, estudo, medos etc

– Mais autocontrole diante de situações desafiadoras e de estresse causadas pelas rotinas de casa

 

MITOS E VERDADES SOBRE O Método KidCoaching®:

MITO – No Método KidCoaching® meu filho será condicionado a bater metas e ser produtivo, como no coaching corporativo?

VERDADE – No Método KidCoaching® a criança será incentivada a lidar com seus sentimentos e expressá-los de maneira adequada, a ter segurança, foco e entusiasmo, adequados à sua idade. Irá perceber suas ações e suas consequências e será apoiada para o encontro de novas soluções ajustadas a sua realidade e idade.

MITO – A criança e a família ficarão dependentes do KidCoach, pois é ele que sabe nos dizer o que fazer?

VERDADE – O KidCoach sabe que o melhor coach dos filhos são seus pais! Por meio de técnicas comprovadas, auxiliará a família a definir um objetivo – partindo de um comportamento atual e chegando ao novo comportamento que se deseja alcançar, E, num processo com início, meio e fim, orientará a criança e a família sobre como eles próprios podem definir as melhores ações para alcançar o objetivo. Respeitando a idade de cada criança, assim com a dinâmica e seu sistema familiar.

MITO – O KidCoach compete com psicólogos, psiquiatra, pedagogos e outros especialistas?

VERDADE – O KidCoach não trata distúrbios, encaminha e recebe clientes dos especialistas, podendo atuar em parceria com esses especialistas ou individualmente. O KidCoach desperta na criança e na família seu poder de encontrar as melhores soluções para seus problemas cotidianos. Retoma valores, estimula o rompimento de crenças limitantes, auxilia na descoberta dos talentos das crianças, trabalha a autoconfiança e estimula a decisão de novas atitudes para que novos objetivos sejam alcançados. 

MITO –  O KidCoach analisará as causas dos problemas do meu filho, fará um diagnóstico e apontará as soluções?

VERDADE – O KidCoaching® é um Método que foca no futuro, ou seja, nas ações que podem ser feitas de agora em diante para resolução de problemas do cotidiano, que muitas vezes afligem as crianças e suas famílias. Tais como: birra, desinteresse pelos estudos, relacionamentos, alimentação, mentira, medo, insegurança, inquietação, dentre outros, sem que procure culpados. Quem decide quais comportamentos serão transformados é a própria família.


Márcia Belmiro
Márcia Belmiro

Fundadora e diretora técnica da Rio Coaching. Graduação em Psicologia, Especialização em Recursos Humanos pelo IBRAE – FGV, Personal Life Coaching e Executive Coaching, Master Coach pelo Behavioral Coaching Institute. Certificação nos instrumentos de Assessments DISC, PEAKS, SOAR e Birkman, Certificação em Alfa Assessement Coaching pela Worth Ethic Corporation, MBA em Coaching e Pós graduação em Neurociências pelo IPUB – UFRJ, Formação em Biodança, Sociopsicomotricidade, Teoria Cognitivo-Comportamental e Constelação Familiar. Atuando há 38 anos nas áreas de Educação, Clínica Psicológica, Recursos Humanos e Coaching, formou mais de 3.000 coaches no Brasil e desenvolveu mais de 10.000 líderes. Sólida experiência como Coach de executivos e Mentora de coaches. Mais de 12.000 horas na criação e aplicação de workshops, palestras, cursos de desenvolvimento de líderes, programas motivacionais e transformacionais. Co-autora dos livros “A Bíblia do Coaching” e “O Máximo do Mínimo”. Autora e Coordenadora técnica do livro “Empoderar para Transformar”. Criadora do Método KidCoaching® para crianças e Co-criadora do Método GrowCoaching® para adolescentes.